profissionais-do-grupo-aguia-branca-conhecem-projeto-escola-viva

Profissionais do Grupo Águia Branca conhecem de perto o projeto Escola Viva

09/07/2018

Já virou rotina… Quem tem a oportunidade de conhecer de perto a estrutura e a metodologia diferenciada das Escolas em Tempo Integral implantadas no Estado, e compartilhar um pouco que seja da realidade dos alunos que estudam nessas unidades sai de lá maravilhado! E na última quarta-feira, 4 de julho, quem viveu essa experiência foram os profissionais do Grupo Águia Branca.

Junto com convidados de outras empresas e instituições capixabas, eles participaram de uma visita à Escola Viva Pastor de Oliveira Araújo, localizada em Cobilândia, Vila Velha. Cerca de 30 pessoas participaram do encontro, que foi conduzido pelo diretor de Relações Institucionais do Grupo e diretor-presidente do Espírito Santo em Ação, Luiz Wagner Chieppe.

“Foi inspirador visitar uma das Escolas Viva e perceber o quanto que a realidade daqueles alunos está sendo transformada. Conhecemos adolescentes que dão um show de liderança e maturidade, graças ao protagonismo que eles têm a chance de praticar! Estas características ficam ainda mais explícitas quando vemos uma estrutura impecável, prova de que aqueles alunos cuidam da escola e se sentem responsáveis pela manutenção dela”, afirmou a assessora de Comunicação Interna da Divisão Comércio, a Adriana Dieuzeide.

O analista de Comunicação da Holding, Rafael de Jesus também se encantou com a experiência. “A visita foi muita inspiradora. O modelo de ensino por meio de protagonismo juvenil nos faz acreditar ainda mais que por meio da educação no futuro teremos pessoas e profissionais melhores.”

Escola Viva

O Programa Educação em Tempo Integral foge ao modelo escolar tradicional. Nessas unidades, os alunos têm nove horas diárias de aula por dia e, durante esse período, aprendem e desenvolvem práticas que vão apoiá-lo no planejamento e execução de seu projeto de vida.

Na prática, isso significa que enquanto estão no colégio fazem de tudo um pouco: têm aulas de Português, Matemática e outras disciplinas da base comum; aulas de matérias eletivas – escolhidas pelo próprio aluno, tendo em vista seus interesses pessoais e aptidões; e podem até formar clubes – de dança, boxe, cinema. Ao todo, são 27 opções com uma característica especial: nele, os alunos compartilham ideias, lazer, cultura e conhecimento.

A partir da gestão educacional e pedagógica, e monitoramento de resultados adequados, a escola em tempo integral implementa um novo modelo de escola pública, processo no qual o jovem se torna, ao mesmo tempo, sujeito e objeto da ação de desenvolvimento de suas potencialidades.

A metodologia diferenciada do projeto de educação em tempo integral foi trazida, pelo Espírito Santo em Ação, de Pernambuco a partir de uma bem sucedida experiência implantada no Ginásio Pernambucano no início dos anos 2000 e que foi responsável por revitalizar não apenas o modelo educacional, mas o comportamento dos alunos daquela que é a segunda escola pública mais antiga em operação no Brasil. Tudo isso para gerar mudança cultural e inovação no modelo de ensino.

junto-com-outras-empresas-profissionais-do-grupo-aguia-branca-conhecem-projeto-escola-viva

voltar

empresas do grupo

passageiros

logística

comércio